Aprender mais rápido: 3 hábitos simples que vão te ajudar

Por Zen App

Tempo de leitura: 2 minutos

Você dedica horas do dia aos estudos. Lê apostilas, assiste aulas online e resolve exercícios por longos períodos. Mas, ainda assim, tem dificuldade de memorizar pequenos detalhes? 

Estamos aqui para te tranquilizar: você não está sozinho nessa. 

Com tantas informações, é comum que nosso cérebro confunda as coisas, misture um pouco ou até esqueça aquela data tão importante. E é comum que isso aconteça mesmo com quem conhece técnicas que ajudam a aprender mais rápido, viu? Afinal, no fim das contas somos apenas humanos. 

Isso não significa que seja impossível ir bem no vestibular ou no concurso, por exemplo. Talvez seja só um sinal de que sua rotina precisa ser modificada. 

Hábitos para aprender mais rápido

1. Organize sua rotina

Apesar das dicas sobre o melhor horário para estudar, a verdade é que não existe um momento do dia no qual aprendemos mais. O melhor horário é aquele em que você estará mais produtivo. Em outras palavras, você pode estudar de manhã, à tarde ou até de madrugada.  

Tudo o que precisa é entender em que horário rende melhor. 

Além disso, de acordo com diversos especialistas, o ideal é estudar por 4 horas por dia. Assim não há perda de foco e a absorção dos conteúdos é maior. Por conta disso, antes de começar os estudos é importante saber o que você vai estudar. Faça um planejamento da semana. Caso contrário os dias podem passar com você evitando as matérias que tem mais dificuldade e focando no que já sabe. 

2. Descansar é parte do processo

Para evitar o esgotamento mental, além da dica de estudar 4 horas por dia, também é importante que inclua pequenas pausas nesse período. Estude por 1 hora e, em seguida, se dê intervalo de 10 minutos. Aproveite para beber uma água e sair do ambiente de estudos. 

+ Meditação no vestibular: como não perder o foco durante a prova

Incluir uma atividade física na rotina também fará toda a diferença. Pois, de acordo com uma pesquisa publicada no British Medical Journal, 40 minutos de exercício diário ajudam a melhorar o foco e a concentração. 

Já a prática frequente de meditação melhora a saúde do cérebro e a memorização. Vale a pena meditar por 10 minutos todos os dias antes de começar os estudos 🙂 

3. Não abra mão do papel e caneta

Por último, uma mudança de hábito que pode fazer diferença é incluir papel e caneta no seu cantinho de estudos. O computador é um facilitador, a gente sabe, mas escrever sobre o que você quer aprender ajuda a memorizar. 

E, segundo estudos, é uma forma de desenvolver o cérebro. 

Nenhum comentário

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

POR UMA VIDA MAIS ZEN
Dicas, inspirações
e novidades!
Experimente o zen por 7 dias
grátis!
Quero testar!